quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Teleférico da Providência terá testes em dezembro

20/11/2012 - O Globo

Prefeitura inaugurará novo sistema de transporte até março, mas urbanização só acabará em um ano e meio

Moradora observa obras do teleférico da Providência Guito Moreto / O Globo
RIO - O alto do Morro da Providência, com uma das mais belas vistas do Centro e da Zona Portuária, estará em breve mais acessível para cariocas e turistas. O teleférico, que fará a ligação com a Central do Brasil e a Cidade do Samba, entrará na fase de testes em dezembro. Sua inauguração está prevista para fevereiro ou março de 2013, com capacidade para transportar mil pessoas por hora. Apesar das melhorias no acesso, as obras de urbanização na comunidade só deverão ficar prontas daqui a um ano e meio. Estão previstas no projeto Morar Carioca a instalação de novas redes de água, esgoto e drenagem, o alargamento de ruas, reforma da pavimentação e a construção de um plano inclinado paralelo à escadaria da Ladeira do Barroso.

Ao todo, as obras na Providência, incluindo a construção do teleférico, custarão R$ 150 milhões. Inicialmente, a prefeitura vai operar o sistema, mas não está descartada a escolha de um operador terceirizado. A expectativa é que a comunidade que tem três mirantes, além da Igreja de Nossa Senhora da Penha, do século XIX, e do oratório, do século XVIII possa atrair visitantes.

O objetivo do teleférico, prioritariamente, é melhorar a mobilidade daquela população. Mas a história da Providência e o visual vão atrair turistas aposta a arquiteta Fernanda Salles, que fez o projeto do teleférico e das modificações urbanísticas, no contexto do Morar Carioca, da Secretaria municipal de Habitação.

O passado da Providência, considerada a primeira favela do Rio, é pouco explorado, mas a própria origem da palavra favela remete à história da comunidade, por ter sido um dos nomes do morro.



Enviado via iPhone

Nenhum comentário:

Postar um comentário