sexta-feira, 22 de março de 2013

Bondinho: Um dos principais pontos turístico de Paulo Afonso

05/01/2012 - Cézar Araújo

Localizado à margem direita do Rio São Francisco, na cidade de Paulo Afonso, percorre cerca de 360 metros até a outra margem no município de Delmiro Golveia em Alagoas, todo esse circuito com cerca de 60 metro de altura e com capacidade para oito pessoas, nos dá uma visão privilegiada: Cachoeira de Paulo Afonso, das Tomadas de Água das Usinas Paulo Afonso I, II e III e da Ponte Metálica que liga os Estados da Bahia e Alagoas, Gruta do Morcego (suposto esconderijo do Cangaceiro Lampião) e do Salto do Croatá. 

O bondinho de Paulo Afonso, que já foi usado para transportar os funcionários da CHESF (Companhia Hidro Elétrica do São Francisco), estava sendo usado pelos turistas que visitam Paulo Afonso.

Após verificação de desprendimento das rochas que suporta as estruturas do teleférico/bomdinho de Paulo Afonso, a CHESF através da Gerência Regional de Paulo Afonso,  interditou a área pois as condições de riscos de acidente para pessoas era muito grande.

Apesar da reclamação da população paulafonsina e turistas e críticas excessivas de alguns meios de comunicação da região, as obras para recuperação dependia de algumas formalidades para licitação, devido a CHESF ser regida pela lei 8.666/93 (LEI DAS LICITAÇÕES).

Na primeira licitação, nenhuma empresa apareceu para concorrer ao serviço, sendo dada como deserta, pois o serviço é considerado muito complexo. Após nova licitação, houve uma empresa vencedora, a Ampla Construtora Ltda. de Salvador, o valor da obra é de R$ 910.137,47 (novecentos e dez mil cento e trinta e sete reais e quarenta e sete centavos). 

Entenda um pouco esta obra de estabilização do maciço rochoso, que é a construção de uma viga no contorno das estruturas do teleférico, suportada por tirantes, para contenção das rochas que estavam se desprendendo (fotos): 

•    Foram construídos andaimes para acesso, pois onde será feito as atividades é de difícil acesso;
•    Efetuado trabalho de limpeza da área dos blocos soltos e remoção da vegetação por meio de jatos d’água de baixa pressão.
•    Iniciado as perfurações nas rochas da parede frontal com comprimento de 15 metros, onde serão colocados tirantes para sustentação da rocha;
•    Logo após será feito uma estrutura de aço entre os tirantes, que pode ser chamada de esqueleto de aço, para sustentação do concreto que será injetado nas paredes rochosas;
•    Serão retirados os andaimes.

A data de assinatura da ordem de início dos serviços foi 16/06/2011, com duração de 08 meses com previsão para finalização da obra em fevereiro 2012.

Com relação aos equipamentos operacionais do bondinho, foram feito modernização tanto no teleférico/bondinho como também no plano inclinado. A empresa adquiriu um grupo gerador de emergência para ser utilizado caso de falte energia, painéis novos de comando e controle do PLC ( Controlador Lógico Programável), dando maior segurança e confiabilidade nas operações tanto do bondinho como do plano inclinado, foram feito verificação/inspeção dos cabos de aço, tanto de sustentação quanto do rotativo motriz, foram implantados freios motriz no bondinho e eletro magnético no plano inclinado, trocado o motor do plano inclinado  e  também foi feito modernização da cabine, com um custo total de R$ 510.000,00 (quinhentos e dez mil reais) .


francisco@cezararaujo.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário